sábado, 16 de fevereiro de 2013

O traje do NOIVO

Embora a estrela da noite ainda seja a noiva, o noivo não é menos importante, pois também merece estar elegante a altura de sua amada para poder recebe-la no altar.


A combinação entre o estilo e traje devem estar de acordo, considerando o horário da cerimonia e também o tipo físico de cada noivo.
Nos casamentos que acontecem pela manhã e inicio de tarde pedem modelos mais simples e em tons mais claros, já cerimonias realizadas no fim de tarde começo da noite os trajes devem ser mais formais e sofisticados como exemplo o fraque ou casaca.

Diferenciando os trajes:
Fraque:  composto pelo blazer com o comprimento até na altura dos joelhos na parte de trás. Indicado para homens altos e magros devido ao corte do terno, sendo de tradição inglesa por isso não é pouco usado no Brasil. É composto por camisa (sempre branca), gravata plastron, colete e calça. A calça pode ser de cor diferente do casaco, geralmente, cinza ou grafite.
    Meio fraque: Sendo uma variação do FRAQUE, é a moda dos brasileiros, só existe por aqui. Diferencia-se apenas a ausência da cauda do blazer.  O meio fraque é composto por um paletó normal preso por um botão, podendo também ter três botões o que o deixa um pouco menos formal, acompanhado sempre do colete. Geralmente a composição é feita por calça risca de giz com colete cinza chumbo. Pode ser usado tanto em casamentos diurnos quanto noturnos.


Smoking: O smoking é para bailes de gala, trata-se tradicionalmente do paletó preto de um botão, com detalhes em cetim ou seda nas lapelas, calça preta, camisa branca plissada, gravata borboleta e faixa. Se a intenção for usar um no grande dia, opte pelo modelo de dois ou trés botões com gravata plastron ou tradicional e colete nas cores prata ou branco ficando extremamente charmoso para a ocasião.Composto por gravata borboleta, camisa branca, laço preto e casaco preto combinando com a calça.

Casaca: Um traje muito luxuoso, usado apenas a noite e em casamentos ultra formais. Possui o paletó tradicionalmente com 3 botões de cada lado, curto na frente ficando na altura da cintura e longa cauda bipartida, camisa branca, gravata borboleta e faixa branca.



Terno: Sendo a opção mais segura, pedida e usada entre os noivos. O terno é composto por camisa (de preferência branca), gravata, paletó, podendo estar acompanhado de um colete tornando-o mais sofisticado e a calça de acordo com a cor do paletó.


Após a escolha do traje, não podemos nos esquecer do complemento principal, a Flor na Lapela. Vindo de uma tradição antiga e usada pelo noivo, pais, padrinhos e pajens para diferenciar o lugar que eles ocupam na cerimônia. Sempre colocada do lado esquerdo, um pouco abaixo do ombro. Se o traje do noivo for igual ao dos padrinhos, tente diferenciara a flor da lapela, seja por cor ou formato, o noivo deve-se destacar perante os outros convidados. 
Aos noivos que optarem por não usar a flor na lapela, utilizem um lenço no bolso do paletó.
Mas nunca deve se usar a flor e o lenço juntos!
OBSERVAÇÕES:
  • Dê preferência para camisa branca, independente do traje escolhido. Sendo garantia de elegância e sem correr risco de errar.
  • Sapatos: a principal regra é que sejam confortáveis. Sendo de pelica ou verniz, com solado de couro são os ideais. A cor do sapato dependerá da cor do traje sendo o preto a melhor opção quando a roupa for em tons escuros, como preta, cinza, chumbo ou marinho. Se optar por tons claros, como o bege o ideal é que seja  o sapato marrom ou café.
  • Em relação as meias, que sejam sempre da mesma cor do sapato e cubram toda a pele de modo que quando se sentar não apareça as pernas. 

Fique de olho:

  1. Escolha o traje de acordo com seu tipo físico;
  2. Fique atento no estilo do casamento (formal, informal);
  3. Não use gravatas de cores muito fortes;
  4. Na hora de escolher a cor dos sapatos e cintos, utilize cores iguais ou tom sobre tom.
Fique atento aos detalhes, vista-se de acordo e com elegância para receber a sua amada no altar.